Populismo Explicado

Populismo Explicado
Populismo, o que é? E quais são os mecanismos e consequências? Um experimento, um projeto piloto para o desenvolvimento de conteúdo coletivo sobre um tema relevante como o populismo. Uma compreensão coletiva do populismo.
Duração do vídeo: 
08:32
Autor: 
Collective
Data: 
terça-feira, Dezembro 22, 2020
Nível: 
Youth
Description2: 

Você também tem a sensação de que estamos vivendo em um mundo mais polarizado?
Bem, uma das razões é o aumento do populismo.

Mas, o que é populismo?
É uma estratégia secular para ganhar poder na política. O populismo não faz distinção entre direita e esquerda, pobre ou rico. É uma tática que tem sido usada desde os romanos para dividir as pessoas e alcançar o poder

Quais são os mecanismos do populismo?

Os populistas dividem a população em "nós" e "eles". “Nós” - o povo - somos os bons, e “Eles” - a elite no poder - são os maus. Eles são corruptos e só defendem seus próprios interesses, e querem nos impor um mundo globalizado e multicultural.

O mundo está mudando rapidamente por causa da globalização: as pessoas têm medo de perder seus empregos para imigrantes. Elas têm medo de refugiados que chegam de culturas diferentes. Ou que, por causa das mudanças climáticas, o governo as proibirá de viajar de carro ou avião.

Os populistas alimentam esse medo, criando um inimigo comum: culpam grupos minoritários como imigrantes, refugiados, LGBTQ+, judeus ou muçulmanos. E também alimentam a ira das pessoas contra os políticos no poder, que defendem essas minorias e não fazem nada por “Nós” - a maioria.

Eles querem um líder que apresente soluções fáceis: “Jogue os imigrantes fora!” “Esta cidade será uma zona livre de LGBT!” As pessoas querem um líder que irá salvá-las e fazer que tudo volte ao "normal", de volta ao que era. Os populistas desacreditam e suspeitam instituições e especialistas, como acadêmicos, cientistas, educadores, jornalistas ... porque eles são muito críticos das soluções populistas e ensinam as pessoas como pensar e agir. Eles promovem valores liberais (como igualdade de gênero e novos estilos de vida).

Os populistas dizem ao povo: “Vamos nos libertar dessas elites e retomar o nosso país”. Em geral, os populistas não querem debater; eles apenas alimentam as emoções.

Mas quais são as consequências do populismo?

Por causa da falta de debate na arena política, a luta entre opiniões opostas é levada às ruas. A Sociedade torna-se cada vez mais polarizada, o que leva ao caos e à violência. Isso faz com que as pessoas tenham ainda mais medo e a opinião pública mude para a demanda por uma liderança forte e autoritária.

O problema é que muitos problemas que nosso mundo enfrenta hoje - como mudança climática e migração - exigem cooperação internacional entre países. Mas os populistas rejeitam isso e defendem a opção: "Cada um por si".

Mas o que a Mídia Social tem a ver com isso?

A Mídia Social pode ser usada como um mecanismo perfeito, para criar câmaras de eco ou "bolhas", onde todos compartilham a mesma opinião. Somos menos confrontados com outras opiniões e carecemos de pontos de vista diferentes. Isso pode levar à intolerância e a uma visão de túnel da sociedade.

Populists take advantage of fake news and disinformation - which is very common on social media - as a perfect tool to divide and rule. It makes polarisation become exponential.
Os populistas aproveitam as notícias falsas e a desinformação - o que é muito comum nas redes sociais - como uma ferramenta perfeita para dividir e governar. Faz com que a polarização se torne exponencial

Então, o que podemos fazer a respeito?

Na sociedade, precisamos que a política encontre um terreno comum entre os cidadãos e faça compromissos. Nesta sociedade globalizada e midiatizada, os cidadãos precisam aprender novas habilidades, serem capazes de analisar criticamente a informação e participar do debate social. Para que todos possam participar da comunidade para fazer suas vozes serem ouvidas.

A liberdade de expressão é um pilar da democracia e de uma sociedade saudável. Mas o que liberdade de expressão realmente significa? O filósofo francês Voltaire disse: “Posso desaprovar o que você diz, mas defenderei até a morte SEU direito de dizê-lo.”

Infelizmente hoje em dia as pessoas - sob a influência de populistas e redes sociais - pensam que liberdade de expressão significa: “Eu posso dizer o que eu quiser e você CALA A BOCA!”.

Devemos trazer de volta a ética e o respeito ao debate público. O desafio é que aprendamos a nos comunicar com diferentes nacionalidades, origens, línguas, grupos étnicos e religiões para trabalhar juntos e aprender a viver juntos de maneira eficaz.

 

Tradução: Michael Mc Laughlin

 

Rating: 

Um presente para Comundos

Ao longo dos anos, Comundos ajudou comunidades remotas em todo o mundo, ensinando o pensamento crítico, na alfabetização midiática e no uso de tecnologia de comunicação.
Para fazer isso de forma eficaz, precisamos do seu apoio para computadores, traduções, cursos e o gerenciamento de mídia social.

Obrigado!

Comundos - Crelan Bank
BE11 1030 2973 8248

Become a monthly donor