Inserção socioproffisional: Sim ou não?

Inserção socioproffisional: Sim ou não?
Tendo chegado ao fim da minha formação, o grande desafio colocado a mim de forma aguda é o da minha inserção socioprofissional.
Duração do vídeo: 
02:04
Autor: 
BECKING AYONG Nadine
Data: 
quarta-feira, Julho 11, 2018
Nível: 
Adult
Description2: 

Eu sou Nadine BECKING AYONG, aluna do terceiro ano no Centro de Formação por Alternância para Jovens Mulheres de Bertoua, cuja sigla é CEFAF.

Tendo chegado ao fim da minha formação, o grande desafio colocado a mim de forma aguda é o da minha inserção socioprofissional.

Dentre todas as dificuldades, destaco a falta de apoio financeiro e material e a falta de acompanhamento pós-formação para o jovem na implementação de seu projeto.

Diante do exposto, a inserção socioprofissional dos jovens continua a ser um luxo. Então, permanecer nesta realidade, seria jogar o bebê fora junto com a água do banho.

Compare com meu sobrinho Jean Baptiste OWOUNDI, vindo de uma escola familiar agrícola local.

Ele recebeu apoio financeiro à inserção de um total de um milhão e quinhentos mil francos, além  de acompanhamento com tutoria na implementação de seu projeto.

Atualmente, ele é proprietário de uma fazenda de horticultura de aproximadamente três hectares associados à apicultura. Ele ganha em média de cinquenta a cem mil francos por semana.

Estou longe de ter saído do círculo vicioso da pobreza e permaneço à mercê de potenciais predadores de gravata e grandes cilindradas.

No entanto, com um pouco de sorte, recebi apoio material de uma alma de boa vontade que me permitiu montar este pequeno salão de cabeleireiro, onde eu às vezes emprego algumas de minhas colegas de turma; e que me dá uma média de dez a quinze mil francos por mês.

Então a sorte não é a coisa mais bem distribuída !!!

 

Traduzido ao Português no âmbito da iniciativa PerMondo (traduções gratuitas das páginas web e documentos para associações sem fins lucrativos). Projeto dirigido por Mondo Agit. Tradutor: Jéssica Oliveira Freitas Revisão: Ana Sá.

Rating: 

Um presente para Comundos

Ao longo dos anos, Comundos ajudou comunidades remotas em todo o mundo, ensinando o pensamento crítico, na alfabetização midiática e no uso de tecnologia de comunicação.
Para fazer isso de forma eficaz, precisamos do seu apoio para computadores, traduções, cursos e o gerenciamento de mídia social.

Thank you in advance!

Comundos - Crelan Bank
BE11 1030 2973 8248

Become a monthly donor